Todos os Produtos

clique para ampliar

Sistemas de Medição de Temperatura Multiponto Flexível – Modelo S 96-FX


O sistema é constituído de um conjunto de Termopares de filme fino ou Termoresistências RTD flexíveis, de comprimentos diferentes ou com vários sensores em posições diferentes dentro de um mesmo cabo (Multi-one) inseridos diretamente no reator ou tanque de armazenagem. É ideal para medições da imagem térmica tridimensional dentro de reatores, torres de fracionamento, torres de regeneração, ou qualquer outro vaso de contenção de reagentes ou armazenagem de produtos, sendo a melhor solução para a otimização da conversão da reação e/ou da contenção segura para as pessoas e o meio ambiente.

Conjunto de Termopares de filme fino ou Termoresistências RTD com cabos flexíveis para distribuição nas bandejas de catalisação de reatores. Pode ser fabricado em 2 configurações diferentes para se adaptar melhor ao projeto do reator: com cabos independentes e um sensor simples ou duplo na ponta de cada cabo, ou com vários sensores distribuídos ao longo de um único cabo (Multi-one). Em ambos os casos os cabos são preenchidos com óxido de magnésio 99% puro e podem ser fabricados com parede metálica simples, dupla ou reforçada para resistirem diretamente às pressões e temperaturas do processo.

Características Principais

  • O Multiponto Flexível modelo S 96-FX pode ser equipado com câmara de contenção simples ou dupla para evitar vazamentos do processo para o ambiente em caso de quebra dos cabos ou fraturas nas soldas dos cabos ao flange.
  • Opcionalmente equipado com manômetro ou sensor de pressão da câmara de contenção.
  • Disponível com e sem transmissores de temperatura.
  • Disponíveis execuções com cabeçote intrinsecamente seguro ou à prova de explosão.

Especificações

  • Sensores termopar tipos E, J, K ou N fabricados de acordo com norma IEC 605842 ou ANSI MC 96.1.
  • Opcionalmente sensores RTD de acordo com a norma IEC 60751.
  • Número de sensores limitado pelo diâmetro do bocal do reator e diâmetro das hastes dos sensores.
  • Diâmetros das hastes: 6 mm, 8 mm ou 10 mm.
  • Conexões do processo flangeadas normas ASME ou DIN.
  • Execução intrinsecamente segura ou à aprova de explosão aprovada pelo INMETRO.
  • Cabeçotes em liga de alumínio ou aço inoxidável 316.
  • Transmissores disponíveis: analógicos (4-20 mA) ou digitais, Hart, Profibus, Fieldbus, etc.